Eu e você

“SENTADOS, JUNTOS, EMBALADOS POR

LEMBRANÇAS.

AGUARDANDO O DOMINGO PARA

OUVIRMOS GRITOS DE CRIANÇAS.

CRIANÇAS DE NOSSAS CRIANÇAS,

QUE AINDA ACHAM LENTO O BALÉ DO SOL

E DA LUA” (íntegra do poema no livro Janelas da Alma – os escritos de um poeta politicamente incorreto)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *